Agricultura e Tecnologia: Como as novas técnicas  estão impactando o trabalho no campo

Agricultura e Tecnologia: Como as novas técnicas  estão impactando o trabalho no campo

Publicado por: Luciana Abreu Publicado: 22/07/2021 Visitas: 370 Comentários: 0

Agricultura e Tecnologia: Como as novas técnicas  estão impactando o trabalho no campo

Novas tecnologias estão transformando a agricultura. Leia no artigo abaixo como isso vem acontecendo.

 

Nos últimos anos, o trabalho no campo se transformou. A utilização de novas tecnologias durante o processo agrícola significou aumento de escala, de produtividade e de eficiência. A qualidade dos insumos, como sementes e fertilizantes, e as novas formas de irrigação, impactaram diretamente no aumento da produtividade.

Todas essas transformações que foram intensificadas nos últimos 50 anos, continuam acontecendo. Os processos agrícolas estão em constante evolução e agora também contam com o auxílio dos dados e da conectividade. Importantes aliados que ajudam a aumentar ainda mais os rendimentos, e a melhorar a eficiência da água e de outros insumos.

 

E você sabe como isso é possível?

A Biotecnologia, por exemplo, cria sementes transgênicas e defensivos naturais que proporcionam melhores produções e, consequentemente, reduzem a quantidade das pulverizações. A agricultura de precisão auxilia no manejo diferenciado das áreas da propriedade. Tratores e máquinas agora contam com tecnologia embarcada e digital, incluindo aplicações off-board, responsáveis por processar os dados que são gerados pelas máquinas.

De acordo com uma pesquisa do McKinsey Center for Advanced e do McKinsey Global Institute (MGI), a conectividade sólida implementada com sucesso na agricultura poderá agregar US$ 500 bilhões em valor adicional ao produto interno bruto global até o ano de 2030. Ainda segundo o levantamento, isso equivaleria a um crescimento de sete a nove por cento em relação ao total esperado.

A consulta de dados sobre variáveis essenciais como solo, plantações, gado e clima já é realidade para uma parte dos agricultores. É o que diz o estudo realizado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), que revelou que, dos mais de 500 agricultores ouvidos, 84% afirmaram utilizar pelo menos uma tecnologia digital no processo produtivo, e um terço deles, informou utilizar soluções digitais para mapear a lavoura e prever riscos climáticos.

A expectativa da McKinsey é que, em 2030, a infraestrutura da conectividade avançada de algum tipo cubra cerca de 80% das áreas rurais de todo o mundo, e à medida que a conectividade aumenta, as novas ferramentas vão possibilitar ainda mais o desenvolvimento da agricultura

Um dos exemplos de como a conectividade pode melhorar o desempenho do setor agrícola é o maquinário autônomo. Os controles de GPS emparelhados com sensores, fazem com que as máquinas fiquem inteligentes e autossuficientes. Na prática, isso significa vários equipamentos trabalhando ao mesmo tempo e sem intervenção humana. E o resultado, é a economia de tempo e de outros recursos.

Além disso, essas máquinas são mais eficientes e precisas, economizam combustível e apresentam melhor rendimento. A McKinsey calcula que a autonomia das máquinas resultante da conectividade pode significar de US$ 50 a US$ 60 bilhões de valor adicional até o ano de 2030.

E neste cenário as AgTechs têm um papel fundamental porque oferecem para os produtores soluções inovadoras que fazem uso da tecnologia, e dados que melhoram a tomada de decisões e possibilitam o aumento de rendimentos e de lucros. Essas empresas oferecem produtos e serviços para gestão, previsão de chuvas, geolocalização, melhoramento das espécies, entre tantas outras.

Não há dúvidas que o desenvolvimento do setor do agronegócio passa pela utilização de tecnologias desenvolvidas por empresas como as AgTechs. Soluções inovadoras que melhoram e mudam toda a cadeia produtiva.

 

Para acessar o estudo completo realizado pela McKinsey, clique aqui

Tags: #organismobrasil #investimento #startups #investimentoemstartups #equity #equitycrowdfunding #crowdfunding # investiremstartups #melhorinvestimento #ondeinvestir #comoinvestir #financiamentocoletivo

Posts relacionados

Comentários

Escreva o comentário

Veja todas Últimos Posts

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Regras Gerais.