O boom das empresas de tecnologia e a importância das Plataformas de Ofertas Públicas no desenvolvimento delas.

O boom das empresas de tecnologia e a importância das Plataformas de Ofertas Públicas no desenvolvimento delas.

Publicado por: Luciana Abreu Publicado: 28/01/2021 Visitas: 125 Comentários: 0

O boom das empresas de tecnologia e a importância das plataformas de ofertas públicas no desenvolvimento delas.

Entenda como funciona o investimento em equity crowdfunding e como você pode ter retorno financeiro considerável ao investir na modalidade. 

 

Se você tivesse investido no iFood em 2011 você teria um retorno estimado de 4,3 vezes o valor investido em 2014. Cerca de 60,7% ao ano. Se você tivesse aportado um valor na 99 em 2013, 5 anos depois, você teria tido um percentual de retorno de 166,97% ao ano. Para quem investiu na Stone, o retorno foi equivalente a 272,8% ao ano.  

Como o crescimento dessas empresas é muito acentuado, elas precisam de investimentos para financiar essa expansão, e é nesse momento que a oportunidade aparece para investidores atentos que estão em busca de opções que possibilitem um retorno significativo do valor investido. 

Imagine agora se existisse um lugar que disponibilizasse opções de investimentos onde você pudesse escolher com clareza e segurança a empresa de tecnologia em que gostaria de investir? Um shopping online, que além de divulgar startups com muito potencial de crescimento, fornecesse todas as informações necessárias para você decidir pelo investimento. E mais: com um órgão regulador formal para fiscalizar todo o processo.

É isso que a Organismo Brasil faz. Uma plataforma de ofertas públicas que conecta essas empresas com investidores que querem ter a oportunidade de participar das transformações que elas propõem, e diversificar o portfólio de investimentos. Todo o processo é online, feito de maneira simples e descomplicada. A Organismo é registrada na CVM (Comissão de Valores Mobiliários), responsável por regulamentar plataformas como a nossa. 

E você sabe como funciona a valorização de investimentos em startups?

Ao investir nessas empresas, os investidores compram uma participação delas, o que pode significar um retorno expressivo do capital investido no futuro, como vimos no começo do texto, e que possibilitam uma rentabilidade muito superior do que as oferecidas por outras modalidades de investimentos. 

Funciona assim: Você entra na plataforma e faz o seu cadastro (sem o cadastro não é possível investir). Escolhe uma oferta e acompanha todos os materiais disponibilizados sobre ela. O valor que você escolhe investir, representa uma fração da empresa investida. Sim, investir em startups, de maneira simplificada, é comprar uma participação em uma empresa. 

Se a empresa for vendida, você como acionista recebe uma fração do valor da compra. Em dezembro do ano passado, o Magazine Luiza anunciou a compra da Hub Prepaid Participações por R$ 290 milhões. Foi a 11º startup adquirida pela gigante do setor do varejo somente em 2020.

A fintech, startup do setor financeiro, tinha mais de 250 colaboradores e cerca de 4 milhões de contas digitais e cartões pré-pagos ativos, responsáveis pela movimentação de R$ 6,6 bilhões em 2020. A receita bruta declarada foi de R$ 159 milhões no mesmo período. Para o Magazine Luiza, a compra possibilitou a ampliação da oferta de produtos financeiros para os clientes que utilizam a plataforma. 

Para os investidores, a venda significou a valorização das ações adquiridas ao aportarem recursos na fintech, antes dela ser vendida. Quer saber mais sobre o funcionamento de investimentos em startups? Faça o seu cadastro e converse com um dos nossos guias de investimento. 

Tags: #investimentos #comoinvestir #ondeinvestir #rentabilidade #altarentabilidade #crowdfunding #equitycrowdfunding #investirmestartups #investimentosemstartups #plataformadeofertaspublicas #organismobrasil

Comentários

Escreva o comentário

Veja todas Últimos Posts

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa Regras Gerais.